Mais de 200 famílias são retiradas de área de invasão pelo BOPE em Rio Branco

Uma área de invasão na região do São Francisco virou disputa entre o suposto proprietário do local com moradores que invadiram terrenos, construíram casas e que moram atualmente na região. As famílias afirmavam que o homem que se dizia proprietário das terras jamais havia apresentado documento que comprovasse ser o dono do terreno.

Ocorre que nesta terça-feira, 14, o proprietário da terra entrou com uma ação de retirada das famílias e a justiça deferiu o pedido.

Oficiais de justiça acompanhados de policiais do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (BOPE) começaram a retirar as famílias do local. A situação ameaçava ficar tensa, já que muitas famílias afirmam não ter para onde ir e prometiam resistir à ordem judicial.

Para tentar conter os ânimos das famílias, esteve presente no local representantes do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC). A promotora de justiça Patrícia Paula dos Santos, da Promotoria de Direitos Humanos e Cidadania, esteve na invasão e garantiu que todos os moradores seriam ouvidos de forma separada para saber qual a real situação de cada família.

Mesmo algumas pessoas afirmando não terem onde se abrigar, a retirada das famílias acontece de forma pacífica. “A gente vai sair para que não aconteça nenhuma tragédia. Aqui é tudo gente de bem, trabalhador que só quer ter o seu lugarzinho para criar sua família. Muita gente não tem para onde ir, vamos esperar o que vão fazer pela gente”, afirma Katriene Ingrid, moradora da invasão.

  • Ac24horas

VEJA TAMBÉM

© Copyright 2000-2021 G Midia & Produções 2020/2021 CNPJ: 38.313.905/0001-94 Cruzeiro do Sul Acre

error: Protegido contra pirataria !!
Formulário de contato com Juruá Informativa