Deputado Neném Almeida diz que “Se o Gladson fosse um Pinóquio, o nariz dele estaria bem grande”

O deputado Neném Almeida (Podemos) afirmou durante o pequeno expediente da Assembleia Legislativa nesta terça-feira, 10, que o governador Gladson Cameli “cometeu um crime” onde prometeu convocação de todos os os concursados do cadastro de reserva da Polícia Militar, que estão acampados no hall de entrada da Aleac, e não cumpriu.

“Ele assinou um documento na campanha. Ele disse que se eleito fosse ia convocar todos no cadastro de reserva. Até o momento ele não convocou todos. Ele não pode deixar de convocar nenhuma do cadastro de reserva da PM, Polícia Civil, Idaf e demais. Se alguém chegar para vocês pedindo para voltarem para casa, não vá. Estão mentindo para vocês. Se Gladson fosse um pinóquio, o nariz dele estaria bem grande”, disse o deputado.

Almeida afirmou que o Estado não é obrigado a convocar o cadastro de reserva, mas como o chefe do executivo havia se comprometido, que cumprisse. “Ninguém é obrigado a convocar o cadastro de reserva, mas se assinou, tem que cumprir”, disse.

  • Ac24horas

VEJA TAMBÉM

© Copyright 2000-2021 G Midia & Produções 2020/2021 CNPJ: 38.313.905/0001-94 Cruzeiro do Sul Acre

error: Protegido contra pirataria !!
Formulário de contato com Juruá Informativa